The End Of The F***ing World | Criador fala de final ambíguo da série

theeotfw.jpg

ALERTA DE SPOILER

O final de ‘The End Of The F***ing World’ deixou algumas questões por ter um final ambíguo. Será que James (Alex Lawther) foi atingido e morreu depois de tentar inocentar Alyssa (Jessica Barden) usando-a como refém? O que aconteceu com Alyssa?

Em entrevista com a Collider, o criador da série falou sobre este final, onde a HQ que serviu como base dá a resposta.

Para aqueles que leram o quadrinho, o quadrinho tem um final definitivo. E na verdade, tem um prólogo no quadrinho do qual nunca filmamos, nem escrevemos, o que torna inequívoco se isso faz sentido. E acho que queríamos a oportunidade de poder continuar a história, porque quando estávamos escrevendo – Começamos a escrever o show há quatro anos e a Netflix não existia do modo que existe naquela época, então quando nós estávamos juntando o arco da história e sendo fiel a história do quadrinho, fez sentindo acabar assim”, O criador também disse que teve este final para ter uma oportunidade de continuar,O final é um pouco diferente do que estava no roteiro, e isso nos deu algumas opções com o final da série. E no final, nós sentimos que era uma ótima maneira de deixar em aberto e fazer as pessoas questionarem “O que aconteceu?”, “O que acontece com Alyssa?”. E acho que é um ponto fundamental da história, embora o show tenha inicio com James, é muito sobre Alyssa e sua busca pelo seu pai. E acho que ela é a única que está deixada de lado no final, deixa mais aberto, mais ambíguo é o que acontece com Alyssa”.

O criador também apontou um detalhe que passou despercebido pelo público, a linha da história está no passado.

A história é contada no passado, até o final. Então, muitas pessoas têm teorias sobre a história porque a narração de James é sempre no passado, até James entregar a linha final da série, onde muda para o presente. Então você pode entender como quiser.”

 Todos os episódios de ‘The End Of The Fu***ing World’ estão disponíveis no catálogo da Netflix.

Gabryelle Bittner, 22 anos, formanda em Psicologia e viciada no mundo de filmes e séries. É uma das idealizadoras do projeto Ladie's Room.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.