Billboard Women in Music 2017 e a importância do empoderamento feminino.

 

Billboard Women in Music é um evento anual da Billboard, que honra mulheres da indústria da música que fizeram contribuições significantes e inspiram gerações de mulheres.

A edição de 2017 contou com a presença de Camila Cabello, Mary J Blige, Kelly Clarkson, Kehlani, Solange, Grace VanderWaal, Selena Gomez e a Executiva Chefe de Operações da Atlantic Records Julie Greenwald. Ao receber seus prêmios todas enfatizaram como o ano foi importante para mulheres na indústria da música.

“Agora, mais do que nunca, cabe a cada uma de nós criar uma geração de líderes femininas, então, nos futuros eventos do Women in Music, a executiva do ano vai se destacar e agradecer a mulher que foi sua mentora, “ Greenwald, que foi nomeada a Executiva do Ano, enfatizou em seu discurso. “Agora é hora de mudar a indústria para o melhor. Está tudo aqui, é a forma como nos apoiamos, em como nos comprometemos a proporcionar a mulheres jovens um ambiente mais seguro, livre de assédio e discriminação.”

A mensagem se repetiu a cada mulher que subia ao palco para receber seu prêmio. Camila Cabello, após cantar uma versão acústica de Havana, dedicou seu discurso a sua mãe. “A única razão pela qual eu estou neste palco, neste solo, neste país é por causa de uma mulher, minha mãe… obrigada a mulher da minha vida”, agradeceu Camila. “Ela chegou neste país com nada, enfrentou a dúvida, o medo e literalmente quebrando fronteiras e quando ouço a palavra perseverança, amor tem um rosto e é o dela”, continuou. Mary J Blige reforçou a responsabilidade que sente em ajudar as pessoas a superar qualquer situação em que estejam, em seu discurso de aceitação de seu prêmio de Ícone. “Eu sou uma lutadora, estou aqui, e estou aqui lutando por vocês.”

Kelly Clarkson relembrou o impacto de sua apresentação com Pink no American Music Awards. Foi uma situação positiva de mulheres se unindo e não sendo colocadas uma contra a outra. Eu estou tão cansada de assistir isso… Apenas aceitem o fato de que tem lugar para todas… Uma vez que as mulheres começarem a se respeitar como artistas, os homens também irão.”

Mas quem mais emocionou foi a homenageada da noite, Selena Gomez, que ao aceitar seu prêmio de Mulher do Ano, dedicou seu emocionante discurso a sua melhor amiga Francia Raisa, que doou seu rim para Gomez.

Para ser sincera eu acho que Francia que devia estar recebendo este prêmio porque ela salvou minha vida” disse, emocionada. “Eu me sinto incrivelmente sortuda. Honestamente, eu não poderia ser mais grata pela posição na qual estou em minha carreira. Especialmente esse ano, eu queria agradecer minha equipe e família, que ficaram comigo nos tempos difícil”, disse. “Eu nunca me senti tão orgulhosa de ser uma mulher na indústria como me sinto hoje. E isso é porque me sinto confortável com todas as mulheres que me encorajaram e o quão importante é o fato de que nossas vozes estão sendo ouvidas pela primeira vez, e eu sou tão grata a todas as mulheres mais velhas que nos encorajaram, eu não poderia estar aqui sem vocês. Então obrigada a todas que inspiraram tantas jovens que sentem que não têm uma voz.”

Thayssa Bittner, 23 anos, formanda em Tradução e Interpretação e viciada no mundo pop. É uma das idealizadoras do projeto Ladies' Room.

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.